Como viajar por mais de 20 lugares com hospedagem e “city tour” grátis?

ImagemNas minhas buscas por novidades e dicas de como viajar tranquilo,conhecer muita coisa de uma determinada cidade em pouco tempo e sempre economizando, encontrei o site do Couchsurfing.org

Confesso que no primeiro momento me passou que esse Couchsurfing seria mais um site de relacionamentos, onde viajantes se conheceriam e encontrariam uma oportunidade de conhecer novos lugares do mundo, com a desculpa de “visitar seu/sua pretendente”.

Mas, como um bom viajante que sou, resolvi tirar de lado o preconceito e “aprender” mais sobre o tal site.

Depois de tanto ler e pesquisar sobre o Couchsurfing, concluí que em uma conversa entre amigos,você pode dizer que se hospedará na casa de um líder revolucionário do Egito, ou que estará assistindo TV na casa de um estranho no coração da Amazônia. Provavelmente, seus amigos iriam te chamar de maluco.

Mas afinal, o que é WTF Couchsurfing?

Couchsurfing.org é uma rede social de hospitalidade que conecta viajantes do mundo todo afim de compartilhar um teto e de quebra, conhecer pessoas que poderão te mostrar a cidade como um bom anfitrião.

Achou, essa, uma ideia de maluco?

Pois saibam que há mais de 4 milhões de “globetrotters” e mochileiros espalhados por 80.000 cidades, querendo compartilhar suas casas e sua cultura, com você …acreditem se quiser, SEM QUALQUER CUSTO!

Imagem

Pensando por esse lado, abri meu coração de vez e vi que esse pode ser um meio onde uma grande multidão é capaz de oferecer algumas das mais ricas experiências de suas vidas – e vice-versa – tudo sem gastar um real, euro, rupia, dinar, peso, ienes, dólar… Simplesmente pela experiência de conhecer pessoas do mundo todo e querer trocar conhecimentos e cultura.

Quem faz parte do Couchsurfing  diz que os contatos que são feitos através da rede social, estão em um nível completamente diferente daqueles que surgem em albergues porque o “anfitrião”, vai te buscar no aeroporto, abrir as portas da sua casa, cozinhar comidas exóticas e compartilhar o seu mundo. Eles também podem facilmente mostrar-lhe as jóias escondidas em sua cidade, lugares que você nunca encontraria num Guia de Viagens.

Pensando assim, a troca pode ser mútua, uma vez que você pode aproveitar essa oportunidade para melhorar o seu Inglês, por exemplo.

Tá, acabei me convencendo de que o Couchsurfing é uma ótima sacada pra quem gosta de viajar… Mas espera aí, não é perigoso?

Cada um tem seu ceticismo quando ouvem pela primeira vez sobre Couchsurfing. A pergunta número um que eu encontrei em fóruns sobre o assunto é: “E se você ficar com um assassino, ou coisa do gênero”?

Como com qualquer coisa na vida, principalmente na internet, há sempre perigos potenciais, mas a maioria dos riscos pode ser facilmente evitado (falarei mais sobre isso nas dicas do site). Se você decidir por aderir às diretrizes da comunidade, usando o senso comum, muito provavelmente, terá grandes experiências.

Gostou da ideia? Então veja 6 passos para se tornar um usuário do CouchSurfing

A primeira coisa a fazer é criar um perfil detalhado.

Como em qualquer outra rede social, seu perfil é a chave para entrar no reino como “couchsurfer”. É através de Le que os anfitriões vão te conhecer e confiar, ou não, em você antes de começarem a trocar uma idéia, e será como um ímã para outros viajantes que querem se conectar. Quanto mais informações você puder fornecer aos outros membros, maiores serão as chances dos outros quererem te hospedar.

Como funciona o Couchsurfing.org?

Passo 1: Registre-se no Couchsurfing.org (Sign up).

Depois de se inscrever, te perguntam como você gostaria de verificar seu perfil com um valor (agora, pode pular essa parte, explico melhor no Passo 2 – Verifique se o seu perfil ). Então comece criar seu perfil. Basta clicar em seu nome no canto superior esquerdo, depois clique em ‘Perfil’.

Poste de 5 a 10 fotos suas, seja fazendo uma viagem com amigos ou registros de experiências bacanas.

Preencha o seu perfil. Há vários campos para completar, mas não se preocupe, não precisa completar tudo de uma vez. Preencha o máximo que você puder depois você melhora o resto.

Uma boa dica é olhar os perfis de outros membros, anote o que gostou para poder implementar no seu perfil.

Passo 2: Verifique se o seu perfil.

Existem dois métodos principais para verificar o seu perfil, com objetivo de aumentar a segurança e a confiança dos membros no site. Ambos somos tecnicamente opcionais, mas será muito difícil você conseguir fazer contatos sem ter feito nenhuma das verificações:

Método 1: Referências pessoais (Personal references). Peça para alguns amigos deixar uma referência positiva sobre você, o que mostra a comunidade que você é uma pessoa de confiança para hospedar.

Método 2: Verificação pelo cartão de crédito (Credit card verification). Como disse no Passo 1, você pode pagar uma contribuição para “gravar” o seu nome e endereço. Em 1 ou 2 semanas, vão te enviar um cartão postal com um código que você cadastra no site, verificando seu perfil.

Os usuários do Couchsurfing confiam mais em membros que tenham perfis verificados, portanto, NÃO PULE ESTA ETAPA!

Passo 3: Procure anfitriões com perfis parecidos com o seu.

Na barra de navegação, clique em ‘Surf‘ (se você procura alguém para hospedar) ou ‘Host‘ (se você procura um anfitrião para de hospedar), digite o seu destino, aparecerá uma lista de nomes com os usuários da localidade desejada.

Você também pode definir uma série de filtros para melhorar os resultados de sua pesquisa, como idade, sexo, idioma, palavras-chave (por exemplo, “cineasta vegetariano”), contem fotos, tem perfil verificado, login mais recente, apartamento adaptado para deficientes motores.

Embora sejam pequenas (ou nenhuma) as chances de um assassino te hospedar ou viajar com você, é sempre bom dedicar um tempinho lendo detalhadamente os perfis.

Uma vez que você encontrou um companheiro “CouchSurfer” cujos interesses e prioridades são parecidos com os seus, é hora fazer contato!

Assista às recomendações do site oficial do CouchSurfing para encontrar anfitriões e hóspedes com perfis parecidos com o seu.

Passo 4: Primeiro contato

O objetivo da sua primeira mensagem é para mostrar o quão bacana pode ser seu contato como possível anfitrião (esse primeiro contato não é para uma hospedagem imediata).

Passo 5: Se preparando para viajar.

Imagem

Uma vez que seu anfitrião concordou em te hospedar, você vai precisar trocar informações de contatos e viagens. O que ambos devem saber:

Se você for o viajante: Confirme a sua data de chegada e partida (embora você possa alterar essas datas). Lembre-se que você é visita e não “de casa”, portanto avise ao seu anfitrião sempre que for sair e quando chegará em casa.

Anote os contatos do seu anfitrião (endereço e telefone).

Se você for o anfitrião: Envie ao hóspede seu endereço, número de telefone e instruções para chegar à sua casa (pontos de referências sempre ajudam). Mas se você tiver disponibilidade, ofereça para pegá-lo no aeroporto/rodoviária.

Arrume sua casa e já deixe o local onde o hóspede irá ficar, arrumado e pronto.

Só mais uma coisa… O CouchSurfing não é um site de namoro. Não faça do seu anfitrião ou hóspede desconfortável entrando em assuntos que não lhe for dado abertura.

Passo 6: Expresse quaisquer preocupações ou problemas.

Se, a qualquer momento, você não estiver satisfeito com o comportamento do seu anfitrião ou hóspede, não se esqueça de dizer o porquê. Na maioria dos casos, o problema não vai ser intencional, mas sim uma diferença cultural. Mas se vocês não conversarem sobre as divergências, o seu “CouchSurfer” nunca saberá sobre os incômodos (ou vice-versa).

Lembre-se que ao final, você deverá registrar sua experiência no site, para que as pessoas possam ter acesso aos seus relatos.

Imagem

Considerações Finais

Ainda não fiz meu perfil no Couchsurfing.org, mas o farei em breve! E, com certeza, farei um post sobre toda experiência.

(Fonte: Blog do Tim Ferris)

2 thoughts on “Como viajar por mais de 20 lugares com hospedagem e “city tour” grátis?

  1. Pingback: Couchsurfing é seguro? | Hospedagem de graça no mundo todo : Passagens Aéreas Baratas – Passagens promocionais e dicas de viagens

  2. Pingback: Como viajar pelo mundo sem pagar a hospedagem | Encontro de Amigas

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s